Av. Washington Soares, 5700
Cambeba - Fortaleza/CE
(85) 3474.5005
contato@escola.ind.br
PRÓXIMAS TURMAS
SOBRE A ESCOLA
BOLSAS DE ESTUDO
FALE CONOSCO
MOVIMENTO SABER MAIS
NUNCA É DEMAIS
SOBRE A ESCOLA

Escola Industrial

A Escola Industrial Luigi Poluzzi foi criada para ajudar a confirmar o Estado do Ceará como o berço dos melhores profissionais da área de instalações do Brasil. Conta com o apoio da EIM Instalações Industriais, empresa presente no mercado desde 1956, e que hoje possui um portfólio de mais de 400 clientes, oferecendo soluções especializadas em montagens industriais e instalações eletromecânicas.

Estruturada com salas de aula e laboratórios, a Escola oferece os cursos de Eletricidade Industrial, Eletricidade Básica, Instalações Elétricas Prediais, Comandos Elétricos, NR-10 Básico , Soldagem Eletrodo Revestido em Chaparia e Tubulação de Aço Carbono - ERCT, Soldagem Eletrodo Revestido Básico, Soldagem Eletrodo Revestido Tubulação , Caldeiraria (Montagem Industrial), Metrologia Dimensional, Leitura e Interpretação de Desenho de Caldeiraria, Traçado e Montagem de Caldeiraria, Desenho Técnico Mecânico e Informática Básica, com posterior ampliação da grade para Pintura Industrial, Gerenciamento de Projetos, Informática Aplicada, Eletrônica e Automação Industrial, Refrigeração, Fabricação de Dutos e Isolamento Térmico, entre outros cursos.

Pela necessidade premente do mercado, a metodologia envolve a teoria necessária para o entendimento dos processos e o máximo possível de prática, voltada para as atividades do dia a dia de uma instalação eletromecânica. Aspectos humanos e éticos, associados a conceitos como trabalho em equipe, justiça, comprometimento, iniciativa e autodesenvolvimento, também são trabalhados durante as aulas.

Alia-se a isso tudo a real possibilidade de o aluno ser inserido imediatamente no mercado de trabalho, ou seja, sair do curso e ser contratado pela EIM Instalações Industriais ou empresas parceiras.

Um ano da Escola

No dia 12 de abril de 2015, a Escola Industrial completou um ano de atividades, no qual foram formados e qualificados 63 profissionais, entre soldadores, eletricistas e caldeireiros.

Para comemorar esse um ano de caminhada, foi realizado, no dia 11 de abril (sábado), um fórum voltado para atividades de desenvolvimento e integração. Os colaboradores da EIM participaram ativamente do evento. 

Uma das atividades foi a palestra “Construindo resultados de excelência”, com o consultor Luciano Lopes, do Sebrae. O presidente da Escola, Nivaldo Teixeira Filho, falou sobre “Por que investir no desenvolvimento de pessoas?” Também entrou em pauta “Desafios estratégicos: o que são e para que servem”, além de dinâmica em grupos sobre planejamento.

Clique aqui e leia matéria completa.

Luigi Poluzzi

O nome da Escola é uma homenagem ao fundador da EIM Instalações Industriais, um piloto italiano, nascido em Bolonha, que decidiu tentar a vida no Brasil, em Recife, no final da 2ª Guerra Mundial. Fundou a Empresa de Instalações Industriais em 1956, na capital pernambucana, onde participou ativamente do processo de industrialização do Estado, fazendo as instalações elétricas de indústrias como IASA, CIV, Hering, Cimenteiras do Grupo João Santos e Usinas de Açúcar.

Em 1988, chegou a hora de expandir suas operações, e o Estado do Ceará foi o escolhido face ao processo de industrialização que se iniciava com o Governo Jereissati, que atraiu grandes clientes como Grendene, Vulcabrás, Rigesa, Santana Textil, Mallory, Fitesa, Petropar e Vicunha, as quais tiveram a EIM como responsável pelas instalações eletromecânicas industriais.